A química forense como forma de contextualizar o ensino e aprendizagem de química

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2014-10

Autores

Pimenta, Samuel Fernandes
Martins, Bruna Sustiso
Koltz, Elizabeth
Sandri, Marilei Mendes

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

É visível a desmotivação dos alunos pelo estudo da disciplina de Química no Ensino Médio. Muitos acham desnecessário o aprendizado desta ciência e não a associam a qualquer utilização para seus futuros, muito menos nas atividades diárias. Essa postura prejudica o rendimento escolar, na formação de conceitos importantes e que são necessários às avaliações, processos seletivos, Enem. Preocupados com esta situação, os alunos PIBID de Química, foram em busca de técnicas mais dinâmicas para diversificar o ensino–aprendizagem dos alunos. Neste segmento, foi abordado o tema, Química Forense. Essa abordagem teve o objetivo de contextualizar o ensino com técnicas e dinâmicas voltadas para realidade do aluno

Descrição

Anais do II Seminário Seminário Estadual PIBID do Paraná: tecendo saberes / organizado por Dulcyene Maria Ribeiro e Catarina Costa Fernandes — Foz do Iguaçu: Unioeste; Unila, 2014

Palavras-chave

Química forense, Contextualização, Aprendizagem

Citação