A tradução literária no ensino de espanhol como língua estrangeira através de microcontos

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2016-08

Autores

Cesco, Andréa
Bergmann, Juliana Cristina Faggion

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

UNILA

Resumo

A tradução se insere em um contexto moderno de ensino de línguas que as entende principalmente como veículo de comunicação e de cultura, e que procura conciliar a proficiência com a reflexão linguística (CAMPBELL, 1998; COLINA, 2002; HURTADO ALBIR, 1998, 1999; KIRALY, 1990, 2000; PINTADO GUTIERREZ, 2012). Segundo Hurtado Albir (1998), exercícios com tradução geram compreensão, entendimento da ideia e desverbalização do texto, tendo em mente o significado. Assim, essa comunicação visa discutir a tradução literária no desenvolvimento da competência linguística em espanhol como língua estrangeira (ELE) tendo como ponto de partida e fonte de análise a tradução de microcontos do poeta, narrador e dramaturgo cubano Virgilio Piñera. Através dela, pretendese refletir sobre as diferentes competências e habilidades implicadas e enfatizadas na atividade tradutória, considerandoa como elemento de desenvolvimento de habilidades em língua estrangeira (entre elas, saber interpretar, parafrasear, resumir, entre outras), seja com a aquisição de léxico ou a compreensão de aspectos culturais das línguas envolvidas (ATKINSON, 1993), seja com a expansão da visão crítica do aluno e de sua reflexão consciente. Segundo Costa (1988, p. 283), “[...] uma concepção mais ampla, mais cultural e crítica pode colocar a tradução como um dos meios mais eficientes de se estar permanentemente atento às diferenças em relação à língua (e à cultura) estrangeira”

Descrição

IX Congresso Brasileiro de Hispanistas realizado nos dias 22 a 25 agosto 2016

Palavras-chave

Tradução literária, Ensino de espanhol

Citação