Avaliação da Relação entre Jetlag Social e Saúde Cardiometabólica em uma Coorte Familiar Brasileira - Corações de Baependi

Resumo

O sistema de temporização circadiana é responsável pela geração e sincronização dos ritmos biológicos. Há evidências da associação entre a dessincronização circadiana e maior risco para síndrome metabólica, maiores valores de colesterol total, triglicerídeos, pior controle glicêmico. Uma maneira de acessar a dessincronização circadiana é avaliando o Jetlag Social. Nesse contexto, trabalhamos com o objetivo de avaliar o Jetlag Social em indivíduos participantes do estudo Corações de Baependi e testar sua relação com a saúde cardiometabólica. Onde o Jetlag Social foi categorizado em baixo (≥ 25 min), intermediário (< 25 min e > 85 min) e alto (≤ 85 min). Os dados de 1269 indivíduos (média de idade 47±13,8) foram analisados, apresentando uma de média de 59,2 (± 48 min) minutos de Jetlag Social. Para isso foram aplicados testes estatísticos: o teste t de Student realizado para comparações entre as médias para as variáveis dos padrões de sono e cardiometabólicas, a Análises de variância (ANOVA) de uma via foi utilizada para as comparações entre as médias das variáveis do sono e os grupos da classificação do Jetlag Social. Na sequência, foram utilizados três modelos estatísticos para testar a relação entre o Jetlag Social e a saúde cardiometabólica. Para descrever a influência do Jetlag Social sobre as variáveis cardiometabólicas, foi aplicado o teste de Modelo Linear Generalizado (GLM). Para testar o quanto a variação do Jetlag Social pode vir a explicar as variações nas variáveis cardiometabólicas foi aplicado o teste de modelo de Regressão Linear Múltipla. Por fim, foi realizado a análise de Regressão Logística para identificar os fatores preditivos das variáveis Pressão alta, Triglicerídeo elevado, Colesterol total elevado, HDL-c baixo, LDL-c elevado, Não-HDL-c elevado e Diabetes. Os sujeitos do grupo Jetlag Social Alto apresentaram maior privação de sono durante a semana, refletida no aumento da duração de sono nos dias livres. O Jetlag Social apresentou apenas uma influência sobre a Circunferência da Cintura, a partir de uma interação com o sexo feminino, explicou uma pequena parte das variações dos valores das variáveis Circunferência da Cintura e Triglicerídeos. Por fim, apresentou efeito preditivo apenas na relação com a variável HDL-c baixo. Em conclusão, esse estudo adiciona evidências em favor de que o Jetlag Social apresenta uma relação na piora da saúde cardiometabólica da coorte de Baependi.

Descrição

Dissertação de mestrado apresentada ao Programa de Pós-Graduaçãoem Biociências, do Instituto Latino-Americano de Ciências da Vida e da Natureza, da Universidade Federal da Integração Latino-Americana, como requisito parcial à obtenção do título de Mestre em Ciências, área de concentração Biociências.

Palavras-chave

Jetlag Social; saúde cardiometabólica; cronotipo; ritmo circadiano; dessincronização circadiana

Citação