Atenção às Mulheres Vítimas de Violência de Gênero nos Serviços de Saúde de Foz do Iguaçu – PR

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2017

Autores

Hertzog, Kimberlly Grignet

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

Esta pesquisa tem por objeto a análise observacional da situação de saúde no município de Foz do Iguaçu-PR, no que se refere ao atendimento às mulheres vítimas de violência. Pretende-se estudar como está distribuída a rede de atenção e cuidados para essas mulheres e apresentar quais são as ações e o atendimento realizados, relacionados ao bem estar da mulher em situação de violência no município. Pretende-se expor e descrever a respeito das garantias à saúde que as mulheres dispõem ao vivenciarem a violência. A metodologia utilizada para a produção desta pesquisa se dará de forma qualitativa, pois procura entender e analisar as formas pelas quais os profissionais de saúde das unidades de saúde do município realizam o atendimento à mulher vítima de violência, baseado em seus relatos sobre um questionário aplicado. O que foi possível observar, de acordo com as entrevistas, é que os profissionais muitas vezes realizam o atendimento às vítimas de acordo com o que acreditam estar correto, e não de acordo com o protocolo de atendimento disponibilizado. Nestes casos, o atendimento pode ficar comprometido se o profissional deixar de realizar o encaminhamento correto, o que pode gerar dificuldade da inserção desta mulher na atenção básica à saúde, e até mesmo haver insuficiência de informação no momento de destinar os dados à vigilância epidemiológica. Sob a perspectiva da saúde, é a Saúde Coletiva que devido à sua interdisciplinaridade, busca soluções integrando todos os aspectos da vivência da mulher, relacionando-os com a saúde e tomando em conta os tipos de violência sofridos. Ainda existem diversos desafios que a saúde encontrará para tratar da violência com a atenção necessária, e é por isso que o trabalho da Saúde Coletiva nesses espaços é de extrema importância. A necessidade de articulação e interdisciplinaridade não somente com as profissões da saúde, mas sim das ciências sociais e humanas, é a chave para um tratamento digno das mulheres em situação de vulnerabilidade e fortalecimento das ações em saúde para a prevenção deste tipo de violência
The objective of this research is the observational analysis of the health situation in the city of Foz do Iguaçu regarding the care of women victims of violence. It is intended to study how the care and attention network for these women is distributed and to present the actions and care performed related to the well-being of women in situations of violence in the municipality of Foz do Iguaçu. It intends to expose and to describe about the guarantees to the health that the women dispose when experiencing the violence. The methodology used to produce this research will be qualitative, as it seeks to understand and analyze the ways in which health professionals from the health units of the municipality provide care for women victims of violence, based on their reports on an applied questionnaire . What has been observed, according to the interviews, is that professionals often perform care for victims according to what they believe to be correct, and not according to the protocol of care provided. In these cases, care may be compromised if the professional fails to perform the correct referral, which can lead to difficulties in the insertion of this woman into basic health care, and even insufficient information when the data are destined for epidemiological surveillance. From a health perspective, it is Collective Health that, due to its interdisciplinarity, seeks solutions integrating all aspects of women's experience, relating them to health and taking into account the types of violence suffered. There are still several challenges that health will find to deal with violence with the necessary attention, which is why the work of Collective Health in these spaces is extremely important. The need for articulation and interdisciplinarity not only with the health professions but also with the social and human sciences is the key to the dignified treatment of women in situations of vulnerability and strengthening of health actions to prevent this kind of violence

Descrição

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Instituto Latino-Americano de Ciências da Vida e da Natureza da Universidade Federal da Integração Latino-Americana, como requisito final à obtenção do título de Bacharel em Saúde Coletiva. Orientador: Prof. Dr. Rodne de Oliveira Lima

Palavras-chave

Violência de gênero, Atenção à saúde, Saúde da mulher, Serviços de saúde, Mulheres vítimas

Citação

HERTZOG, Kimberlly Grignet. Atenção às Mulheres Vítimas de Violência de Gênero nos Serviços de Saúde de Foz do Iguaçu – PR. 2017. 79 páginas. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Saúde Coletiva) – Universidade Federal da Integração Latino-Americana, Foz do Iguaçu, 2017