O material didático de ELE/PLE: discutindo preconceitos e estereótipos

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2018

Autores

Lavorenti, Camila do Amaral
Cortez, Mariana

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

Aprender uma nova língua significa descobrir um diferente mundo, pois uma nova cultura é transmitida neste processo. Com este trabalho analisamos possíveis preconceitos e estereótipos registrados nos livros de LPE/ELE, analisando suas imagens e questionar criticamente como estes materiais didáticos apresentam-se ao mundo, pois tendem a ser a “porta de entrada” dos países a diferentes pessoas de diversas nacionalidades. Elegemos os livros “FLE”, de Lima e Iunes e “Síntesis”, de Martin. Nosso referencial teórico circula por Mendonça (2014) por refletir a formação de professores latinos, Amossy (2003) sua análise de estereótipos e, Leffa (2014) com discussões sobre ensino de línguas.
Learn a new language means to discover a diferent world, because a new culture is diffused through this process. This work analyze the possibility of prejudices and stereotypes in the textbooks, analyzing their images and questioning how those didactical books show themselves to the world, because as usually, they are an “front door” of these countries to diferent people. We choose the books “FLE”, by Lima and “Síntesis”, by Martin. Our theoretical reference are based on Medonça (2014), with a reflection on the formation of Latin teachers, Amossy (2003) with your analisis of stereotypes and, Leffa (2014) discussing teaching languages.
Aprender una nueva lengua significa descubrir un mundo distinto, pues una nueva cultura se transmite en este proceso. Este trabajo analiza posibles preconceptos y estereotipos registrados en libros de LPE / ELE, verificando sus imágenes y mirando críticamente cómo estos materiales didácticos presentanse al mundo, pues son "puerta de entrada" de los países, personas de distintas nacionalidades . Elegimos los libros "FLE", de Lima e Iunes y "Síntesis", de Martin. Nuestro referencial teórico pasa por Mendonça (2014) por reflejar la formación de profesores latinos, Amossy (2003) su análisis de estereotipos y, Leffa (2014) con discusiones sobre enseñanza de lenguas.

Descrição

Este número da Revista Brasileira de Iniciação Científica publica os artigos com os resultados das pesquisas de Iniciação Científica 2016/17 da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). A UNILA é uma das novas universidades federais brasileiras, iniciando suas atividades em 2010. Já em 2011, começa a funcionar seu Programa de Iniciação Científica (IC). A IC é uma das prioridades da política de pesquisa da UNILA. Seu aporte em bolsas de IC é superior ao de fontes externas como CNPq e Fundação Araucária. Em seus seis anos de existência, o Programa de IC tem promovido a difusão da cultura científica entre os estudantes, contribuído com sua formação e os estimulado ao ingresso na pós-graduação.

Palavras-chave

Ensino de línguas, Material didático, Preconceitos e estereótipos

Citação

LAVORENTI, Camila do Amaral; CORTEZ, Mariana. O material didático de ELE/PLE: discutindo preconceitos e estereótipos. Rev. Bras. de Iniciação Científica (RBIC), Itapetininga, v. 5, n.2, p. 161-183, 2018. Edição Especial Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). Disponível em <https://periodicos.itp.ifsp.edu.br/index.php/IC/article/view/1206>.