A Guerra ao Terror no Cinema Hollywoodiano (2005 – 2015)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023

Autores

Trujillo, Bruno de Montenegro

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

Seis dias após o atentado ao World Trade Center em 11 de setembro de 2001, o governo do então presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, anunciou o que se tornaria um dos principais aspectos da Política Externa Estadunidense em meados do Século XXI: a Guerra ao Terror. Esta resultou em invasões e violações dos direitos humanos por parte de diversos países membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) em nações consideradas pertencentes ao Eixo do Mal, como Afeganistão e Iraque. A Guerra ao Terror ultrapassou a esfera militar e se tornou um tópico recorrente na mídia e na indústria audiovisual estadunidense. Este trabalho, mediante os aportes da teoria construtivista das Relações Internacionais e a análise dos precedentes históricos da propaganda no cinema hollywoodiano, visa estudar produções lançadas durante o período de 2005 a 2015, evidenciando a influência de Washington na indústria cinematográfica e os impactos da Guerra ao Terror na mesma, bem como sinalizar os efeitos dessas produções na opinião pública acerca do assunto durante o período em questão.

Descrição

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Instituto Latino-Americano de Economia, Sociedade e Política da Universidade Federal da Integração Latino- Americana, como requisito parcial à obtenção do título de Bacharel em Relações Internacionais e Integração.

Palavras-chave

Citação